Perguntas Frequentes

Confira as perguntas frequentes sobre antecipação de recebíveis:

1.A Antecipção de Recebíveis é uma operação de crédito, como empréstimo e financiamentos?

A antecipação de recebíveis é uma operação de crédito que transforma as vendas a prazo em recursos líquidos imediatos para a empresa. Diferente do emrpéstimo ou financiamento, a antecipação de recebíveis não gera uma dívida futura a ser paga pela empresa.

2. É possível antecipar recebíveis para empresas com restrições no nome?

Sim, a antecipação de recebíveis é uma ferramenta muito utilizada por empresas que não conseguem cumprir com suas obrigações financeiras devido à falta de capital de giro.

3. Qualquer empresa pode antecipar recebíveis?

Sim, desde que os recebíveis se encaixem nos tipos antecipado pelo mercado. Outro ponto a se analisar é se o valor dos recebíveis é interessante para antecipar. As vezes, valores muito baixos não são interessantes pois o peso das taxas e tarifas acaba comprometendo o operação. 

4. De quem é o prejuízo caso os recebíveis não sejam pagos?

Quando uma instituição financeira lhe antecipa um recebível ela passa a ter direitos sobre o crédito que seu cliente pagará no futuro. Mas, um dos riscos dessa operação é esse cliente se tornar inadimplente. Nesse caso, é preciso frisar que quem lhe antecipou o recebível não terá prejuízo e sim sua empresa. Entretanto, no caso do não pagamento pelo cliente, sua empresa deve arcar com juros de mora, taxas e multas, ou quitar o montante devido no momento do vencimento. 

5. Quais as datas de vencimento máximo dos recebíveis que podem ser antecipados?

Varia caso a caso, conforme a instituição que esteja lhe antecipando. Pode ser antecipação de alguns dias, chegando a um ano em alguns casos. Obviamente, quanto maior o prazo, maior será a taxa de desconto.

6. Há um limite de recebíveis, seja mínimo ou máximo, que posso ser antecipado?

Não há limite na maioria das instituições mas calcule o custo total das operações para avaliar se vale a pena fazer a antecipação. Algumas instituições exigem um volume minimo financeiro para antecipação, mas não volume mínimo de quantidade de recebíveis.

7. Quais tipos de recebíveis podem ser antecipados?

Recebíveis são, por exemplo, duplicatas mercantis, notas fiscais, boletos, cartões, carnês, cheques e outros . Confira com a instituição escolhida para antecipar seus recebíveis todas as possibilidades.

8. O IOF incide em todas as operações de antecipação de recebíveis?

O IOF é o Imposto sobre Operações Financeiras e é cobrado em operações de antecipação de recebíveis, exceto quando tal operação é feita através de FIDCs que são isentos desse tributo.

9. Toda recebível da minha empresa pode ser antecipado?

Não. Eventualmente algum recebível pode não ser aprovado para antecipação, em razão de política de crédito da instituição escolhida pela empresa para antecipação.

10. A taxa de juros na antecipação de recebíveis é fixa?

Não, a taxa de juros (de desconto) é customizada para cada operação e está vinculada ao risco de crédito do recebível envolvido.

11. Sendo pessoa física, é possível fazer antecipação de recebíveis?

Não, a antecipação de recebíveis é uma operação financeira exclusiva de pessoas jurídicas.

Esperamos que as perguntas frequentes sobre antecipação de recebíveis tenham lhe ajudado. Mas caso você ainda tenha dúvidas, fale conosco clicando aqui.

Close Bitnami banner
Bitnami