Conheça as tendências de cartão de crédito em 2022

Publicado por Lucas Avila - 22/04/2022

As novas tecnologias, assim como os novos comportamentos sociais, são responsáveis por uma série de mudanças a ocorrerem na sociedade de um forma geral, sendo possível citar também as tendências de cartão de crédito entre outras correntes comerciais.

Isso porque os modelos de transações comerciais acompanham outros pontos que se apresentam na sociedade, como as ferramentas tecnológicas disponíveis, que acabam por ditar novas oportunidades a serem adotadas pelo público de uma forma geral.

O mesmo podendo ser dito sobre o mercado, que desenvolve novas estratégias de marketing de forma frequente justamente para conseguir manter-se conectado com o seu público e com sua área de atuação, sendo permanentemente relevante.

Um tipo de conceito responsável, por exemplo, pelo processo cada vez mais frequente de digitalização dos serviços, com o mercado tendo que acompanhar as mudanças digitais que vem afetando as operações comerciais.

Movimento esse a fazer com que a implantação de servidores seja um serviço a ser visto com uma frequência cada vez maior entre os mais diferentes mercados, em busca de criar um sistema próprio de venda e comunicação com o seu público-alvo.

Sendo de grande relevância para o mercado atual saber como lidar com o conjunto de informações que podem estar associados às transações comerciais realizadas por tal negócio. Tanto em relação aos clientes como à empresa em si.

Para que seja possível ter um melhor controle sobre tudo que envolve o setor financeiro de um negócio, que lida com uma frequência cada vez maior com novas práticas envolvendo sua forma de retribuição econômica, indo além do dinheiro físico.

Principalmente quando se fala de empreendimentos à nível internacional, como uma consultoria de exportação, que além de transferências digitais à distância precisa lidar também com o processo de diferenciação de valor entre as moedas disponíveis.

E o setor se modifica com tamanha frequência, o mesmo pode ser dito sobre a ofertas envolvendo tal universo de transações comerciais, como é o caso do setor de cartões, que precisa se renovar com frequência para manter sua importância.

Mudanças frequentes nas trocas financeiras

A troca de valores entre os indivíduos após a obtenção de algum produto ou serviço é uma prática que antecede a idade contemporânea da sociedade, por meio da transferência de moedas entre um cliente e o vendedor que coloca em oferta algo de valor.

Com as ferramentas utilizadas nessa troca passando pelos mesmos processos de mudanças que estão associados à sociedade em si. Situação a fazer com que o dinheiro físico dividisse espaço com outros objetos associados ao mercado financeiro.

Como era o caso dos cheques, diretamente associados ao valor disponível nas contas bancárias dos proprietários de cada talão. Por mais que esse modelo continue sendo possível, a sua relevância caiu muito nos últimos anos, tornando-se cada vez mais raros.

É difícil, por exemplo, encontrar um profissional que atue com montagem de ar condicionado que aceite ser recompensado por tal tipo de objeto de transação financeira.

O que não significa que o dinheiro físico passou a se destacar como a principal forma de se realizar uma troca financeira. Pelo contrário, as cédulas e moedas passam a circular cada vez menos na sociedade, existindo outras formas de se pagar por algo adquirido.

E muito desse processo de flexibilização das transações comerciais teve início com a implementação do cartão de crédito. Um pequeno cartão de plástico associado à conta bancária do seu proprietário, ou linha de crédito entre o mesmo e sua instituição.

E é justamente por causa de sua praticidade, além dos maiores índices de segurança, sendo possível cancelar a compra após o uso indevido deste material, por exemplo, que o uso dos cartões de crédito ou de débito tornam-se cada vez mais comuns.

Mas até mesmo o setor de cartões precisa se renovar caso queira se manter relevante, já que as transações digitais vêm se tornando muito mais conhecidas, principalmente com o lançamento do modelo de transferência PIX.

Tendência essa que acaba por afetar entre os mais diferentes tipos de mercado, passando por uma empresa de recepção, a oferecer os seus serviços para eventos e redes de hotéis, e pelo citado setor de cartões. Ambos tendo que lidar com tais novas tecnologias.

Principalmente pela forma como elas modificam o comportamento do público de uma forma geral, que sempre estará em busca de adotar ferramentas que possam melhorar sua qualidade de vida e facilitar suas atividades de uma forma geral.

Cenário esse que exige com que a indústria dos cartões tenha que se renovar, com mudanças que explicam o nível de expansão de tais ferramentas financeiras.

A situação do setor dos cartões em 2022

A indústria dos cartões vem passando por um amplo processo de crescimento diante do uso cada vez menor das trocas de dinheiro físico. Para 2022 é esperado que exista um aumento de 20% acerca do uso dos cartões em relação aos anos anteriores.

Com a previsão de movimentar um volume de transações com cerca de R$ 3 milhões, de acordo com o que foi levantado pela Abecs (Associação Brasileira das Empresas de Cartões de Crédito e Serviços).

É possível usar o cartão para pagar pela compra de um ar condicionado comercial, da mesma forma com que o uso desse material também pode ser utilizada a compra de uma fatia de bolo em uma barraca de rua, diante da expansão de uso desse equipamento.

A popularidade dos cartões faz com que os mais diversos tipos de empreendedores tenham que adotar o uso de máquinas voltadas para a leitura de tais cartões, acompanhando todas as tendências que podem estar associadas à utilização do cartão.

A relevância do setor de cartões para 2022

As mudanças associadas à indústria dos cartões já pode ser percebida por quem atua dentro da área comercial, como para quem atua com uma prestação de serviços de terraplanagem, ou com a oferta de qualquer tipo de produto ou serviço.

Tendo que acompanhar aquilo que os seus clientes podem considerar como mais práticos para a realização de suas transações comerciais. E especificamente sobre o uso dos cartões, existem algumas tendências a se destacarem, sendo elas:

  • Pagamentos digitais;
  • Tap to phone;
  • Processamento dos pagamentos;
  • Pagamentos via aproximação.

Correntes essas a serem vistas com atenção para quem busca se destacar junto a qualquer que seja o seu setor comercial.

Pagamentos digitais

Os sistemas digitais vem modificando grande parte dos serviços presentes na sociedade, com o mesmo podendo ser dito sobre os cartões, sendo popularmente usados para compras no mercado digital.

Sendo importante então contar com um sistema que apresenta maiores índices de segurança, com as redes que controlam tais cartões fazendo uma análise rápida de verificação sobre o saldo disponível e aquele exigido durante uma compra.

Tap to phone

Outra mudança em relação aos cartões de crédito é a possibilidade de usar o seu aparelho celular como um objeto de transação comercial, algo possível graças aos softwares de aproximação, sendo preciso apenas a instalação de um aplicativo adequado.

Agora, então, é possível para um indivíduo pagar seus débitos com uma empresa de mudanças diretamente pelo celular, e não apenas por meio dos aplicativos bancários, mas usando o próprio aparelho como um objeto de pagamento.

Processamento dos pagamentos

Diante desse alto número de transações, cada vez mais adotando modelos flexíveis de pagamento, é importante então se assegurar de uma proteção adequada no que envolve o uso desses cartões.

Nesse sentido se destaca o método de processamento de tais pagamentos a serem feitos utilizando de um cartão de crédito ou de débito, existindo um registro dessas operações dentro de um sistema digital de nuvem, armazenado um alto volume de dados.

Permitindo assim um melhor controle sobre as transações feitas com o uso desses cartões, sendo facilmente disponibilizadas ao público por meio dos aplicativos bancários, deixando assim um melhor controle sobre suas finanças.

Pagamentos via aproximação

Se os aparelhos móveis podem ser usados como um método de pagamento via aproximação, o mesmo pode ser dito sobre os cartões em si, acompanhando assim um processo de evolução das tecnologias associados aos cartões de plástico.

Inicialmente com a inclusão de chips, dando mais segurança aos seus proprietários, e agora destacando a tecnologia contactless, diminuindo o contato entre o cliente e os vendedores, concluindo um pagamento apenas ao aproximar o seu cartão.

Modelo esse a ganhar uma importância maior durante o período de pandemia, onde foi necessário restringir o contato entre as pessoas.

Diante disso, é preciso que o mercado esteja sempre alinhado às mudanças tecnológicas da sociedade, tal como uma empresa de aquecedor a gás e as tendências associadas à indústria dos cartões.

Para que assim seja possível alcançar os melhores resultados ao apresentar as melhores opções de atendimento às necessidades dos seus clientes.

 

Esse texto foi originalmente desenvolvido pela equipe do blog Guia de Investimento, onde você pode encontrar centenas de conteúdos informativos sobre diversos segmentos.

Quer estar por dentro do mundo das finanças?

Assine a newsletter do Conexão Financeira.