Cuidados que o empreendedor deve ter antes de pedir um empréstimo

Publicado por Bussiness Connection - 26/07/2022

O processo de pesquisar informações sobre como pedir um empréstimo é algo muito comum em diferentes fases de um negócio, já que os empréstimos são uma maneira de obter capital para uma necessidade específica do seu negócio e possibilitar que ele se desenvolva.

Nesse sentido, um ponto importante e que demanda atenção é em relação à quantia do empréstimo, o número de vezes em que é necessário optar por este recurso e as parcelas. 

Se atentar a estes detalhes é fundamental para a sua empresa manter a saúde financeira e ter um planejamento claro para a quitação das dívidas e entender se o empréstimo é realmente vantajoso para o negócio.

Isto posto, entender o que é um empréstimo e os benefícios que este recurso pode proporcionar é o jeito de tomar os devidos cuidados no momento de solicitar, identificar o melhor modelo e assim poder cuidar bem da saúde financeira e do devido desenvolvimento do seu negócio.

O que é um empréstimo?

Basicamente, o empréstimo consiste em um tipo de contrato firmado entre instituições financeiras com as pessoas físicas ou jurídicas para a liberação de crédito.

Quando há a aprovação, o solicitante recebe uma quantia, conforme a definição de contrato, e deve devolver essa quantia com juros em um prazo previamente determinado, geralmente estipulado um valor mensal para a quitação da dívida e, às vezes, com a primeira parcela 

Os empréstimos são muito comuns na vida financeira, seja de uma pessoa física ou jurídica, como empresas de administração de condomínios

Quando um cliente busca uma instituição financeira para esta finalidade, os objetivos podem ser os mais diversos, desde a aquisição de um material, do espaço físico ou de uma expansão.

Um ponto importante a ser observado nos empréstimos são as chamadas taxas de juros e tributos cobrados, que impactam diretamente no valor final que deve ser quitado, considerando os riscos.

Por que escolher o empréstimo?

O empréstimo para pessoa jurídica é uma possibilidade de aumentar fundos para o negócio, por exemplo, de contabilidade fiscal e tributária, podendo ter um melhor fluxo e controle fiscal, alcançando os objetivos de melhoria.

Com isso, não há comprometimento da estrutura e o valor obtido pode ser utilizado em diversas finalidades comerciais.

Empreendedores iniciantes, por exemplo, podem optar por um empréstimo para conseguir lidar com as despesas de instalação e infraestrutura.

Nos momentos em que não há dinheiro, o empréstimo é a maneira de passar pelos momentos difíceis até conseguir obter lucros, visando prolongar as oportunidades de negócio e assim conquistar a recuperação orçamentária.

Contudo, antes de fechar um contrato de empréstimo, é importante procurar uma consultoria para entender melhor as opções disponíveis e aquela que melhor atende a necessidade do negócio.

Conforme a sua condição e relacionamento com a instituição, benefícios atrativos podem ser identificados, auxiliando na decisão se é realmente necessário fazer o empréstimo e qual modelo mais adequado.

Os empreendedores de contabilidade em São Paulo e de outras áreas que optam pelo empréstimo, assumem um compromisso muito sério com as finanças.

Assim, é fundamental ter uma organização eficiente para aumentar os lucros e saber separar parte do dinheiro para o pagamento do empréstimo.

Um ponto positivo do empréstimo é a possibilidade que o empreendedor tem de melhorar o seu negócio, investindo em novos recursos ou alugando um novo espaço comercial para atender bem os clientes, agregando novas oportunidades.

Para que isso seja possível, existem diferentes modalidades de empréstimos para atender as necessidades específicas de cada solicitante, avaliando aspectos como a finalidade do empréstimo, valores e taxas de juros, bem como a certificação compulsória.

Figuram entre os principais modelos de empréstimo que podem ser realizados:

  • Empréstimos com garantia;
  • Financiamentos;
  • Empréstimos para MEI (Microempreendedor Individual);
  • Empréstimo pessoal e para autônomo;
  • Empréstimo consignado.

Dicas para evitar dor de cabeça ao fazer um empréstimo

Desde a consideração até o momento de fechar um contrato de empréstimo, é importante ter atenção e considerar alguns fatores, de modo a garantir mais clareza aos processos e a segurança para a quitação do valor adquirido.

Entre os aspectos que devem ser considerados estão:

  • Credibilidade da instituição financeira;
  • Condições e facilidades de pagamento;
  • Condições para renegociação de dívida;
  • Quantidade e valor de parcelas e juros;
  • Riscos de fraudes e golpes;
  • Condições para antecipação de parcela ou dedução de valor;
  • Prazo para iniciar o pagamento.

Inclusive, além desses aspectos mais gerais, outros detalhes importantes para a segurança da empresa e as necessidades específicas de seu negócio podem ser avaliadas de forma mais precisa e até com o suporte de profissionais especializados, como contadores.

Esses cuidados são importantes para garantir o pagamento, reduzindo riscos de dívidas ou perda de valor, bem como a segurança, facilidade e melhor aproveitamento do valor solicitado pela empresa.

Recalcular as parcelas da dívida, por exemplo, e alterar datas e valores de multas são maneiras de tornar o empréstimo mais compatível com o orçamento, mantendo a saúde financeira do negócio. 

Aspectos de atenção em relação às dicas e uma postura segura para empréstimos

As dicas abordadas são válidas para as finanças de uma empresa de aluguel de equipamentos hospitalares, que precisa considerar suas atividades e fluxo de capital para a solicitação, bem como uma grande empresa de construção civil que está investindo em novos empreendimentos.

Já caso o empreendedor tenha mais de uma dívida, é importante ter um planejamento e organização para definir uma ordem de prioridade das dívidas, tendo como base a situação geral da empresa e os custos a serem destinados ao empréstimo.

No momento da negociação, é fundamental não tratar a pessoa do outro lado como rival, pois, assim como você, o credor também está em busca de uma solução viável para ambos. Ser verdadeiro e não levar a discussão para o lado pessoal é algo que faz toda a diferença no momento da negociação e na obtenção de melhores condições.

Já ao realizar o empréstimo, é importante ter duas questões em mente: o valor total das parcelas será menor que a dívida atual? O valor ajudará a refazer o caixa do seu negócio de contabilidade para prestadores de serviços?

Tendo respondido ambas as questões, é possível fazer a solicitação de crédito de forma mais segura e já compreender o impacto e vantagem desse orçamento para o negócio.

Considerações finais

Pesquisar linhas de crédito que atendam as necessidades da empresa e procurar instituições financeiras corretas, são maneiras de ter acesso a taxas diferenciadas e empréstimos mais seguros.

Assim, o empreendedor deve manter o seu score (pontuação) em dia, ou seja, pagar contas e impostos, além de manter as certidões negativas em ordem, para que a solicitação seja aprovada e a margem de segurança permita um melhor gerenciamento das dívidas e dos valores de entrada.

Portanto, pesquisar informações e entender os pontos positivos e negativos do empréstimo são maneiras dos empreendedores conseguirem o melhor para manter o seu negócio fortalecido e em constante desenvolvimento no mercado, promovendo melhorias pontuais com sabedoria e conforme o orçamento disponível, seja a partir de empréstimos ou não.

Texto originalmente desenvolvido pela equipe do blog Business Connection, canal em que você pode encontrar centenas de conteúdos informativos sobre diversos segmentos.

Quer estar por dentro do mundo das finanças?

Assine a newsletter do Conexão Financeira.

Receber Cotação