Tudo o que você precisa saber sobre Day Trade

Publicado por Lucas Avila - 20/05/2022

O Day Trade é um conceito que tem se tornado muito popular recentemente, e diversas pessoas têm buscado mais informações sobre esse modelo de investimento em particular para fazer em paralelo com o trabalho como suporte de informática para empresas, mas ainda existem muitas dúvidas a respeito de seu funcionamento.

O modelo é muito utilizado por operadores experientes, que já tenham algum conhecimento de investimentos, principalmente aqueles com um perfil mais arrojado, que estão dispostos a correr riscos em troca de um retorno muito maior.

O termo Day Trade, cuja tradução seria “troca no dia”, refere-se ao fato de que nessa técnica, você compra um ativo e vende-o no mesmo dia, buscando um lucro maior na negociação como um todo.

O princípio é relativamente simples, você compra um ativo por um preço e tenta vendê-lo por um valor maior, ou compra um ativo abaixo do preço e o vende pelo padrão. Esse pode ser um método um pouco complexo para iniciantes.

Entretanto, para investidores experientes, sobretudo aqueles que já operam na Bolsa de Valores, o Day Trade pode ser uma excelente opção para garantir ganhos consistentes, além de resultados mais rápidos.

Um dos pontos mais importantes do investimento com Day Trade é a tolerância ao risco, uma vez que existe sim uma chance real de perda quando você trabalha com uma janela de tempo tão curta.

Por isso, entender esse processo é parte fundamental de conquistar uma estrutura adequada para suas interações, garantindo resultados mais efetivos com o Day Trade como um todo, conquistando ganhos mais efetivos em paralelo com seu trabalho em consultoria tributária.

O mercado passa por uma série de oscilações ao longo do dia, e essa modalidade explora este recurso, trabalhando com ganhos em períodos curtos de tempo, que podem ir de horas a minutos, dependendo da experiência e da técnica utilizada.

Até pouco tempo atrás, a figura do Day Trader era a de um profissional, normalmente graduado e especializado nesse tipo de comércio e nas variações do mercado como um todo, o que é um grande diferencial.

Hoje, entretanto, pessoas leigas podem trabalhar diretamente com o Day Trade através de uma série de operadoras, que oferecem uma simplificação nos resultados e entendem esse tipo de interação como um investimento da parte do consumidor.

Tenha em mente, entretanto, que ainda que a pessoa seja leiga, é importante que ela estude e se prepare para esse tipo de operação. Do contrário, as chances de a pessoa perder dinheiro são muito maiores do que os ganhos.

Caso você não conheça o suficiente, ou não tenha tempo para se preparar antes de investir, o ideal é procurar um Trader profissional para ajudá-lo a dar seus primeiros passos e ajudá-lo a entender o quanto você pode ganhar com esse tipo de processo em uma contabilidade especializada em TI.

A tecnologia teve um importante papel na democratização do Day Trade. Com o processo conhecido como transformação digital, uma série de avanços tecnológicos começou a se popularizar e fazer parte do dia a dia das pessoas.

Com a internet, os pregões online se tornaram muito mais populares, ao mesmo tempo em que cursos e palestras sobre o Day Trade começaram a se popularizar em canais digitais, criando ótimas plataformas de ensino para esse tipo de material.

Por conta disso, ainda que o conhecimento seja uma peça-chave para esse tipo de investimento como um todo, hoje é muito mais fácil encontrar conteúdo relevante e pessoas dispostas a ensinar.

Como o Day Trade funciona?

Uma transação de Day Trade nada mais é do que comprar um ativo, como ações, e depois vendê-lo em um momento de alta, conseguindo uma porcentagem de lucro na transação, o que a princípio é relativamente simples e pode ser um trabalho paralelo à operação de uma fábrica de caixa de transporte para cães.

Entretanto, em muitos casos, a dificuldade está em identificar os momentos de altas e baixas do mercado, principalmente quando você lida com um período de tempo tão curto. Operadores de bolsa que trabalham com períodos maiores conseguem prever melhor.

Entretanto, no Day Trade, a flutuação do mercado acaba impactando a forma como o profissional avalia a operação, e pode render uma série de problemas a longo prazo. Por isso, é importante que você entenda alguns dos principais conceitos desse tipo de negócio.

Vale lembrar que cada pessoa tem um perfil de investimento, e nem sempre esta é a opção mais adequada para você. Por isso, é importante avaliar todas as suas possibilidades, e entender as oportunidades de ganho que o Day Trade pode oferecer.

Dessa maneira, você pode se especializar e eventualmente até mesmo tomar o controle das transações, tornando-se um Trader por tempo integral, com experiência e conhecimento de mercado o suficiente para identificar esse tipo de interação.

Stop Gain e Stop Loss

Estes são alguns dos conceitos mais básicos para o Day Trade, uma vez que eles são importantes ferramentas de gerenciamento de risco, colocando limites nas operações como um todo.

Com o Stop Loss, você consegue criar uma ordem de venda automática, garantindo que as perdas sejam limitadas e caso a negociação atinja o limite de perda, você imediatamente encerre a operação.

Isso garante que você tenha um controle maior de seus gastos, estabelecendo limites de perda para evitar complicações financeiras com seu investimento em day trade.

 Assim, torna-se muito mais seguro a longo prazo e garante o funcionamento de seus outros negócios, como uma loja de câmeras de segurança para empresas.

O Stop Gain é uma ferramenta tão importante quando, uma vez que ela faz com que a operação termine quando alcança um teto de lucro.

Embora isso não pareça uma boa opção, já que limita seus lucros, ela impede que você perca o momento certo de encerrar a transação, garantindo que o melhor resultado será obtido com esse tipo de operação.

Essas funções são fundamentais para você conseguir trabalhar com o Day Trade com mais segurança e tranquilidade, entendendo os recursos que estarão em suas operações com mais qualidade.

Estratégia

Pensar estrategicamente em seu investimento é um dos principais pilares do Day Trade. O mercado costuma ficar aberto o dia todo, então você pode comprar e vender a qualquer momento, não impactando o trabalho em uma empresa de produtos veganos.

Embora convencionalmente os horários de abertura e fechamento dos pregões seja um momento em que muitos investidores optam por fazer negócios, isso não é uma regra. Tampouco um Day Trader tem necessidade de operar todos os dias.

Avaliar o mercado é um passo muito importante para você montar e estabelecer uma estratégia de qualidade, uma vez que ele é quem ditará a maneira como o mercado está se estabelecendo.

As flutuações, embora não sejam tão fáceis de prever em períodos menores de tempo, acabam sendo guiadas pelas ações do mercado como um todo, o que impacta diretamente a maneira como você trabalhará naquele dia.

Sua estratégia também identifica momentos de descanso, onde trabalhar no mercado de Day Trade pode não ser a melhor opção.

Não tenha medo de fazer pausas ou tirar dias de folga para conseguir estruturar melhor suas negociações e trabalhar em conjunto com sua estrutura de fábrica de uniformes personalizados.

Análises técnica e fundamentalista

Estes dois tipos de análise permitem uma compreensão maior do mercado e de como ele pode ser otimizado para transações de Day Trade. O primeiro avalia uma série de padrões de dados, que ajudam você a entender melhor as motivações de movimentos no mercado.

Essa é uma avaliação que leva em conta elementos como:

  • Volume de transações;
  • Médias Móveis;
  • Padrões;
  • Cotação da empresa.

Embora seja muito importante lidar com esse tipo de operação, ele deixa de lado a empresa em si, levando em consideração apenas as informações referentes à operação como um todo.

Para você avaliar melhor a companhia que está pensando em investir, a análise fundamentalista é o caminho certo. Ela leva em conta os fundamentos da empresa, mostrando quais são mais seguras para você fazer operações em paralelo a seus serviços de call center.

Essa análise avalia uma série de situações que não são apresentadas em gráficos, desde má gestão até escândalos de corrupção, entre muitos outros riscos que a empresa pode estar passando no mercado.

Quando você une as duas análises, consegue uma estrutura muito mais adequada para suas funções, entendendo todos os detalhes aos quais a companhia está se submetendo no mercado e conseguindo entender melhor como operar nela.

Considerações finais

Entender o Day Trade pode ser uma atividade complexa, mas se você dedicar um tempo maior para aprender como o mercado funciona e adquirir experiência com esse tipo de ação, é muito provável que você se torne rapidamente um conhecedor.

Cometer erros é uma parte comum dos primeiros passos, mas com o direcionamento correto, você consegue minimizar as chances de perda, conquistando uma estrutura de qualidade para suas operações.

Por se tratar de uma transação de ativos, o valor mínimo se regula dependendo do ativo negociado, dependendo apenas da pessoa que opera o mesmo. 

O operador consegue encontrar ativos de qualquer valor podendo ser efetuados até mesmo com 1 centavo, porém quanto maior o capital investido maior é o potencial de retorno, todavia no caso de falha o erro da operação pode custar caro. 

Existem diversas formas de operar na bolsa além do Day Trade, existe o Swing Trade e o Position Trade, o que muda apenas é o tempo de duração da operação, variando assim entre dias, semanas, meses e até mesmo anos.

Dessa forma, você conseguirá rapidamente se tornar um Day Trader, garantindo um investimento de qualidade em seu dinheiro.

 

Esse texto foi originalmente desenvolvido pela equipe do blog Guia de Investimento, onde você pode encontrar centenas de conteúdos informativos sobre diversos segmentos.

Quer estar por dentro do mundo das finanças?

Assine a newsletter do Conexão Financeira.